Relatar problema e criar proposta

A região Administrativa da Candangolândia - DF recebeu R$100.000 de verba complementar para infraestrutura. Na Ágora de infraestrutura da Candangolândia, o membro Darwin acessa a opção “Criar proposta” (Lembre-se a opção criar proposta precisa que o membro explique o problema e ofereça a solução para o problema). Lá ele relata o problema: “Onde deve ser alocada a verba de 100.000 reais destinados à infra-estrutura?" com sua proposta: “Deve-se reformar o ginásio, porque…” e prazo para discussão de 60 dias.

Com outros membros oferecendo outras ideias, acaba-se criando uma lista de propostas para o problema “Onde deve ser alocada a verba de 100.000 reais destinados à infra-estrutura?” e vários membros fazem suas propostas:

  • Reforma do ginásio. (231 𝚽) Proponente: Darwin

  • Conserto do muro da escola. (590 𝚽) Proponente: Martin

  • Conserto do buraco na entrada da cidade. (257 𝚽) Proponente: Luiz

  • Reforma da praça em frente a prefeitura (12 𝚽) Proponente: Paulo

Todos que fizeram a proposta recebem 𝚽. Todos que votaram uma fração de 𝚽. Martin recebe alguns 𝚽 a mais por ter feito a melhor proposta. Findado o tempo de discussão a rede decidirá quem será o emissário e cabe a administração da candangolândia receber a proposta e dar voz à decisão.

Nessa situação hipotética, imagine que em vez de a administração arrumar o muro da escola, ela decide reformar a praça em frente à administração ou ela simplesmente desvia essa verba para outra finalidade lícita ou ilícita. As pessoas ficariam bem irritadas com o administrador por tomar uma decisão feita sem levar em conta o processo democrático dos membros na rede. O que poderia gerar uma revolta entre os membros da ARG que ficaram mais empenhados em participar da rede e sugerir a entrada de outros membros.